A música ‘Smoking Snakes’ da banda Sabaton, homenageia os três guerreiros da FEB que escolheram morrer lutando do que se render aos nazistas

No dia 2 de Julho de 1944, o 1º escalão da FEB zarpa do Rio de Janeiro com destino à Nápoles na Itália. Mais de 25 mil brasileiros iriam lutar contra o regime nazifascista que dominava a Europa cobria o planeta de medo.

Prefere vídeo que leitura? Assista nosso vídeo sobre esse tema aqui

Foram 7 meses de cobra fumando em território europeu, onde os pracinhas enfrentaram, além de seus inimigos, temperaturas até então desconhecida para nossos compatriotas.

Vidas brasileiras foram perdidas em campos de batalha, mas que jamais serão esquecidas. Nem dos que se foram enfrentando o terror, nem dos que voltaram e foram empurrados para a margem de nossa história.

Esse texto, foi criado originalmente para nosso quadro “De_Composição” no YouTube e adaptado para nosso site. Esse trabalho foi realizado para lembrar que, durante nossa história brasileira, ainda há motivos para nos orgulharmos e nos espelharmos na luta por um futuro melhor.

CRONOLOGIA DO BRASIL NA II GUERRA

1939

  • 1º de setembro: A segunda guerra mundial tem início oficial no dia 1º de setembro de 1939 com a declaração do então Primeiro Ministro Britânico Neville Chamberlain, após Hitler romper acordo e invadir a Polônia, colocando assim seu país contra a Alemanha.
  • 02 de setembro: O Governo brasileiro declara neutralidade ao conflito. Neutralidade que foi mantida por 2 anos sob desconfiança dos dois lados;

1941

  • 22 de março: O navio Mercadante brasileiro Taubaté é atacado pela força aérea nazista, a Luftwaffe, no mediterrâneo. O conferente Francisco Fraga passa a ser o primeiro brasileiro morto na guerra;
Smoking Snakes - Francisco Fraga

1942

  • 28 de janeiro: O Brasil rompe relações diplomáticas com os países do Eixo (Alemanha, Itália e Japão);
  • 16 de fevereiro: O navio Mercadante brasileiro Buarque é torpedeado e afundado por um submarino alemão. Até o Brasil entrar para guerra, dezenas de embarcações brasileiras seriam atacadas nos meses seguintes, ceifando a vida de mais de 700 pessoas;
  • 22 de agosto: Sob forte pressão popular, o Brasil declara guerra à Alemanha e a Itália;
Smoking Snakes - Manifestação Anti-Nazista da UNE
Manifestação Anti-Nazista da UNE – Rio de Janeiro/1942

1943

  • 29 de janeiro: Os presidentes Getúlio Vargas do Brasil e Franklin Roosevelt dos Estados Unidos reúnem-se em Natal, Rio Grande do Norte, para efetivarem a participação do Brasil na guerra através de uma Força Expedicionária;
  • 15 de março: Getúlio Vargas aprova o envio de tropas brasileiras para combater na Europa. A Força Expedicionária Brasileira é criada;
Smoking Snakes - FEB
Símbolo da FEB – “A cobra fumou”

1944

  • 02 de julho: Parte do Rio de Janeiro o primeiro pelotão. Ao todo seriam enviados cinco pelotões ao decorrer de 1944 e 1945;
Smoking Snakes - Soldados brasileiros embarcam no RJ
Soldados brasileiros embarcam no RJ / Esta imagem é parte do Fundo Agência Nacional Série FOT Subsérie FEB
  • 16 de julho: Chega à Nápoles o primeiro pelotão brasileiro;
  • 16 de setembro: Ocorre o batismo de fogo da FEB;
Smoking Snakes - Batismo de Fogo
Batismo de Fogo da FEB
  • Do dia 11 ao 30 de outubro a FEB continua avançando ao Norte da Itália conquistando Barga, Lama di Sotto, Lama di Sopra, Pradescello, Pian de los Rios, Collo e San Chirico;

1945

  • 21 de fevereiro: A FEB conquista Monte Castelo, abrindo assim o caminho para continuar avançando e conquistando outras cidades;
  • 05 de março: A FEB toma Castelnuovo;
  • 14 de abril: A Feb toma Montese
  • 21 de abril: A FEB conquista Zocca e Montalto;
  • 28 de abril: A FEB ocupa Collechio;
  • 1º de maio: Os brasileiros fazem sua última ocupação em Turim;
  • 08 de maio: A Alemanha nazista cai e a paz paira sobre a Europa;
Smoking Snakes - Estandarte da Vitória
Fim da Guerra na Europa
  • 06 de julho: A FEB finaliza sua campanha na Europa e parte de Nápoles rumo ao Brasil;
  • 18 de julho: Sob clima de festa, o 1º escalão da FEB desembarca no Rio de Janeiro;
Smoking Snakes
  • 02 de setembro: A Segunda guerra mundial chegava ao seu fim com a assinatura da rendição nipônica. Ao longo de sua história, a segunda guerra levou a vida de mais de 80 milhões de pessoas.

1946

  • 1º de janeiro: A Força Expedicionária Brasileira é extinta.

‘Smoking Snakes’ do Sabaton

A música ‘Smoking Snakes’ do Sabaton faz uma homenagem literal em seu título às cobras fumantes, nome dado aos combatentes da FEB.

O símbolo estampado nos uniformes brasileiros, foi uma resposta à provocação que muitos civis faziam na época: “É mais fácil uma cobra fumar, do que o Brasil entrar na guerra”.

Uniforme dos pracinhas com o símbolo da FEB / Foto: Territórios

A música, pertencente ao álbum “Heroes” da banda sueca, traz a história de três soldados brasileiros, que separados de seu batalhão, são atacados por inimigos alemães, que mesmo sob enorme desvantagem, os brasileiros não se renderam e lutaram até suas mortes.

“We remember, no surrender
Heroes of our century
Three men stood strong and they held out for long
Going into the fight to their death that awaits
Crazy or brave, will it end in the grave?
As they’re giving their lives
As their honor dictates”

“Nós lembramos, sem rendição
Heróis de nosso século
Três homens foram fortes,
e assim mantiveram-se por muito tempo
Indo para a luta, para a morte que os espera
Loucos ou corajosos, isso acabará na sepultura?
Enquanto dão suas vidas,
como suas honrar determinam”
Smoking Snakes - Sabaton
A banda sueca Sabaton homenageou os pracinhas com a música “Smoking Snakes” do álbum ‘Heroes’

A história amplamente conhecida é a de que, antes da ofensiva em Montese, os soldados brasileiros foram enviados para reconhecer o território e limpar campos minados. No entanto uma infantaria alemã os estava esperando. E assim, no dia 14 de abril de 1945, a infantaria brasileira composta por: Geraldo Baeta da Cruz, Arlindo Lúcio da Silva e Geraldo Rodrigues de Souza foi surpreendida por militares alemães.

Em desvantagem e sem chances para chamar reforços, ao invés de se renderem, eles também abriram fogo e assim mantiveram sem cessar, até obviamente o fim de suas munições. Como a rendição não era uma opção, eles então colocaram suas baionetas e avançaram nos alemães.

“Three took the blow while impressing their foe

Throwing dice with their lives as they’re paying the price

Sent to raise hell, hear the toll of the bell

It is calling for you as the Wehrmacht devised

Far, far from home to a war

Fought on foreign soil and far

Far from known tell their tale

Their forgotten story

Cobras Fumantes, eterna é sua vitória

Rise from the blood of your heroes

You, were the ones who refused to surrender

The three rather died than to flee

Know that your memory

Will be sung for a century”

“Os três levaram um golpe,
enquanto impressionavam seus inimigos
Apostando suas vidas
Enquanto eles pagam o preço
Enviados para ‘tocar o terror’
Ouça o soar dos sinos
Está chamando por vocês como a Wermacht planejou
Longe, longe de casa, para uma guerra
Travada em solo estrangeiro e longe
Longe do conhecido, contem seu conto
Sua história esquecida
Cobras fumantes eterna é sua vitória
Ergam-se do sangue dos seus heróis
Vocês, foram aqueles que se recusaram a se render
Os três escolheram morrer ao invés de fugir
Saibam que sua memória será cantada por um século”

A homenagem dos inimigos

Os três guerreiros foram mortos e enterrados pelos inimigos, que colocaram uma cruz sob a rasa sepultura de cada um com os dizeres: “Drei Brasilianischen Helden”, três heróis brasileiros. Foi uma homenagem ao ato heróico que os brasileiros mostraram.

Essa é a história largamente contada, porém, sem desmerecimento dos soldados brasileiros, alguns fatos dessa história não correspondem com a narrativa.

A cruz sob a sepultura encontrada pela FEB, estava escrita “Drei tapfere Brasil”, três bravos Brasil, data em “24 de janeiro de 1945, meses antes da batalha de Montese.

Smoking Snakes - Cruz 3 Tapfere Brasil

Que algo extremamente corajoso esses brasileiros fizeram, não há dúvidas, mas infelizmente não se sabe de fato o que os pracinhas fizeram para impressionar os inimigos e serem reconhecidos como heróis. 

LEIA TAMBÉM: A traição de Galileu consigo mesmo sob o olhar do Blind Guardian

Esses três guerreiros brasileiros, bem como tantos outros, morreram lutando contra os nazistas e fascistas, poupando assim, a vida de incontáveis vidas inocentes.

Jamais serão esquecidos!