discos de vinil mais caros do mundo

Os 10 disco mais caros já vendidos no mundo.

Até quanto você desembolsaria para ter aquele disco de vinil com a versão rara do artista que você é fã? A resposta varia desde o poder aquisitivo do entrevistado ao grau de influência que o artista tem sobre aquela pessoa.

Mas aposto que você pagaria, por exemplo, alguns milhões de dólares mesmo que tivesse todo esse dinheiro. Estou certo?

A lista dos LPs mais caros do mundo, criada pelo Wealthy Gorilla, vai de Beatles à Wu-Tang Clan. Confira abaixo:

10. Frank Wilson ‘Do I Love You (Indeed I Do)’

Disco de vinil 'Do I Love Indeed I Do'

Vendido por 37 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Por ser o único single de Wilson na gravadora Motown Records e pelo fato de haver rumores de que só restam cinco em circulação, a chance de encontrar um é quase zero.

Originalmente, havia cerca de 250 discos impressos, mas a maioria foi destruído, e não se sabe certo o motivo.

Uma das últimas cópias restantes que conhecemos, foi vendida em leilão a um comprador anônimo em maio de 2009, por respeitáveis $37.000.

9. Tommy Johnson: ‘Alcohol and Jake Blues’

Alcohol and Jake Blues

Vendido por 37.100 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Caso você encontre um disco de 78 rotações desta lenda do blues, e o preço estiver acessível, compre. O artista, conhecido por seus falsetes e o modo sofisticado de tocar guitarra, faleceu em 1956 sem o devido reconhecimento.

O americano John Tefteller, encontrou o disco ‘Alcohol and Jake Blues’ da Paramount Records no eBay em 2013, e pagou uma pequena fortuna. Vale a observação que ele comprou somente para substituir com a cópia que ele já tinha.

8. Aphex Twin: ‘Caustic Window

Caustic Window

Vendido por 46.300 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Caustic Window nada mais é que um projeto de música eletrônica de Richard D. James (Aphex Twin), que teve o álbum de estreia cancelado em meados dos anos 1990.

Somente algumas prensagens de teste foram distribuídas. Uma delas foi comprada a preço de ouro em 2014 por Markus Persson, também conhecido como criador do jogo e fenômeno pop Minecraft.

7. The Beatles: ‘Till There was you

Disco de vinil The Beatles Till There Was You

Vendido por 100 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Apelidado de “Santo Graal” dos Beatles, o disco (single) que apresenta ‘Hello Little Girl’ e ‘Till There Was You’ foi inicialmente avaliado em £10.000 e foi arrematado por £77.500, cerca de 100 mil dólares.

A prensagem exclusiva de 1963, época do segundo álbum da banda, “With the Beatles”, foi dada como perdida por décadas até encontrarem no sótão do músico Les Maguire, tecladista do grupo Gerry and the Pacemakers, que também era de Liverpool.

6. The Beatles: ‘Yesterday & Today

Beatles Yesterday and Today

Vendido por 244 mil dólares

Por que vale tudo isso?

O álbum apelidado de “Beatles Açougueiro”, foi lançado apenas nos EUA e Canadá. Sua capa censurada do ‘Yesterday and Today’ vale alguns milhares de dólares, soma-se o fato de uma cópia em perfeito estado de conservação versão stereo e o resultado será superior a 179 mil libras.

Um dos motivos pelo qual seu valor é tão alto é a polêmica da capa, que mostra a banda segurando bonecas desmembradas em meio a carne e ossos. Isso não caiu bem, então foi rapidamente trocado por uma capa mais aceitável.

Cereja do bolo de tudo isso? O álbum é autografado pelos 4 Beatles.

5. The Beatles: ‘Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band’

The Beatles Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band

Vendido por 290 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Um dos discos mais emblemáticos da história da música, o “álbum cria” do Sir McCartney, já é um item desejado por sí só. Agora soma-se ao fato de ter os autógrafos dos 4 Beatles.

Resultado? O item, que foi adquirido em um leilão, foi vendido mais de 10x mais que o esperado.

4. Elvis Presley: ‘My Happiness’

Disco de vinil The Happiness

Vendido por 300 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Este compacto tem as primeiras gravações de Elvis e traz duas covers “My Happiness” e “That’s When Your Heartaches Begin”. É mais um caso de prensagem raríssima de teste, que em 2015 terminou nas mãos do músico e aficionado por mídia física Jack White.

Ele inclusive comprou os diretos e lançou uma edição limitada de ‘My Happiness’ em sua gravadora, a Third Man Records.

3. The Beatles: ‘The Beatles’ (White Album)

Disco de Vinil The Beatles White Album

Vendido por 790 mil dólares

Por que vale tudo isso?

É sabido que Ringo Starr, o baterista dos Beatles, possuía a primeira cópia de seu álbum duplo auto-intitulado. Seu número de série é o que o autentica, pois foram impressos em sequência, sendo a cópia de Starr ‘0000001’.

Depois de algum tempo, Starr decidiu colocar sua cópia em leilão nos Estados Unidos. Não demorou muito para ser vendido por US $ 790.000!

2. John Lennon & Yoko Ono: ‘Double Fantasy

John Lennon Yoko Ono Double Fantasy

Vendido por 900 mil dólares

Por que vale tudo isso?

Esse disco já foi três vezes a leilão, e os preços se multiplicam a cada arremate. O último leilão, 2020, o disco foi vendido por US$ 900.000 . O motivo? Depois que seu último álbum, Double Fantasy, saiu em 1980, John assinou cópias para as pessoas que esperavam por ele do lado de fora de sua casa em Nova York. Ele assinou uma cópia para Mark David Chapman – o homem que mais tarde o assassinou. Foi essa cópia que custou pouco menos de US$ 1 milhão.

LEIA TAMBÉM: 10 Bandas que foram banidas pela igreja

1. Wu-Tang Clan: ‘Once Upon a Time in Shaolin

Wu tang Clan

Vendido por 2 milhões dólares

Por que vale tudo isso?

Por estratégia ousada de marketing, este trabalho do grupo de rap nova-iorquino jamais chegou ao público. Apenas uma cópia foi fabricada em 2015, após seis anos de sigilosa produção em estúdio.

Alçado ao status de um “Picasso do hip hop”, o disco —na verdade, um CD duplo— permaneceu intocado em um cofre no Royal Mansour Hotel de Marrakech, no Marrocos, antes de ser leiloado com pompa e circunstância pela Paddle8 em 2015.

O disco também veio com um contrato que estipula que não pode ser explorado comercialmente até 2103, mas eles podem lançar o álbum gratuitamente se quiserem.